Sindicato dos Servidores de Serrano do Maranhão anuncia greve geral

0
Que os servidores do município de Serrano do Maranhão estão sofrendo com os atrasos no pagamento de seus salários não é mais novidade para ninguém, já faz tempo que aqueles servidores tentam receber em dias seus rendimentos, diante da inércia do município em resolver este problema, e fazendo uso de uma garantia constitucional, o Sindicato que representa a categoria decidiu que caso o município não realize o pagamento até este domingo (28), os servidores entrarão em greve geral.
De acordo com o Sindicato dos Professores e Demais Servidores Públicos do Município de Serrano do Maranhão – SINPRODESMA, em sua reunião do dia 19 de janeiro a assembléia geral definiu pela paralisação geral para o dia 29 de janeiro como último recurso a ser adotada contra o município na tentativa de obrigá-lo a cumprir o que determinar a lei e realizar efetivamente o pagamento dos servidores.
O Sindicato alega o não cumprimento do termo de ajuste de conduta firmado em audiência pública no dia 27 de novembro de 2017 pelo atual prefeito de Serrano, o senhor Jonhson Medeiros Rodrigues (Maguila) do PSB, por intermédio do Ministério Público o qual fora proposto o plano de regularização do pagamento dos salários dos servidores da seguinte forma: 
 
Pagamento do mês de dezembro de toda a categoria no dia 31 de janeiro de 2018; Pagamento do mês de janeiro para os professores no dia 10 de fevereiro de 2018; Pagamento do décimo terceiro salário dos demais servidores no dia 10 de fevereiro de 2018; E por fim, regularização do salário de toda a categoria no mês de março de 2018, 
 

O sindicato lega também que o município recebeu em 2017 R$ 23.508.916,03 (vinte e três milhões quinhentos e oito mil novecentos e dezesseis reais e três centavos) e do montante não foram quitados os salários.  “Ademais, saliente-se que ficara consignado na referida Assembléia Geral do dia 19 de janeiro de 2018, que se o pagamento dos servidores não ocorrer todo dia 10 de cada mês, no dia subsequente a categoria entrará de greve até que o pagamento do salário se realize”. 

Além das questões de ordem programáticas, pode-se anotar a pauta de reivindicações é constituída pelos seguintes pontos:

Atraso no pagamento dos salários; Atraso do pagamento do décimo terceiro salário; Atraso do pagamento de férias; Fim do pagamento de férias por data de aniversário; Retirada do desconto da mensalidade sindical na folha de pagamento; – Pagamento dos 45 (quarenta e cinco) dias de férias dos professores

Até o fechamento da matéria não conseguimos falar com os representantes da prefeitura de Serrano do Maranhão, aliás, essa é uma tarefa quase impossível em razão de não existir qualquer contato da Secretaria de Educação no site da Prefeitura, ou mesmo de assessoria de comunicação, sem contato a tarefa de contatá-los resume-me na impossibilidade, todavia, o espaço encontra-se franquiado caso deseje se manifestar. 

Posts Relacionados Mais do autor

Comentário

Seu endereço de email não será publicado.