18 DE MAIO: Dia Nacional de Combate a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

0

BRASIL – No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. O  “Caso Araceli”, como ficou conhecido, ocorreu há quase 40 anos, mas, infelizmente, situações absurdas como essa ainda se repetem.

De acordo com a Polícia Federal, o Brasil possui o quarto lugar no consumo de pedofilia no mundo. Não existe um perfil definido para se reconhecer um pedófilo, porém dentre as possíveis causas que levam uma pessoa a prática da pedofilia estão: sexualidade reprimida, abuso na infância, perversão sexual e desvio de personalidade de origem psicológica. Suas estratégias para atrair crianças e adolescentes pela internet podem ser facilmente detectadas, suas vítimas geralmente são crianças e adolescentes entre dois e 16 anos que foram abusadas sexualmente e tiveram suas imagens distribuídas na internet para consumo da rede criminosa que se estende pelo mundo. 

abuso sexual envolve contato sexual entre uma criança ou adolescente e um adulto ou pessoa significativamente mais velha e poderosa. As crianças, pelo seu estágio de desenvolvimento, não são capazes de entender o contato sexual ou resistir a ele, e podem ser psicológica ou socialmente dependentes do ofensor. O abuso acontece quando o adulto utiliza o corpo de uma criança ou adolescente para sua satisfação sexual. Já a exploração sexual é quando se paga para ter sexo com a pessoa de idade inferior a 18 anos. As duas situações são crimes de violência sexual.

No Brasil  o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. Os dados mostram que, de março de 2003 a março de 2011, o Disque recebeu 52 mil denúncias de violência sexual contra este público, sendo que 80% das vítimas são do sexo feminino.

O Disque 100 funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: disquedenuncia@sedh.gov.br.

 A intenção do 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil. 

DICAS DE SEGURANÇA PARA OS PAIS:

OS PAIS DEVEM TER UM VÍNCULO DE AMIZADE E CUMPLICIDADE COM SEUS FILHOS: A correria do dia a dia faz com que as famílias não possam mais manter um diálogo franco e aberto com seus entes queridos. E o resultado disso são pais que não sabem mais nada acerca da rotina e dos problemas que seus filhos estão passando. Gaste pelo menos dez minutos com seu filho para saber como foi o dia a dia dele com perguntas do gênero: Como foi o seu dia hoje? Conheceu novas amizades? Notou alguma coisa ou alguém estranho próximo de você? Ficou chateado com alguém? Alguém postou algo esquisito ou estranho em seu perfil do Facebook? Tais perguntas vai proporcionar aos filhos uma cumplicidade muito grande com seus pais e um hábito extremamente saudável e no menor sinal de perigo, a criança procurará seus pais para conversar sobre o assunto e nunca procurará um estranho.
DICAS DE SEGURANÇA PARA OS FILHOS:
 
NUNCA INCLUA INFORMAÇÕES PESSOAIS EM DEMASIA: (n.ºs de telefone, RG, CPF, endereço, idade, filiação, escolaridade, gostos e preferências pessoais sobre: filmes, música, time favorito, esportes, comidas, vestuário, planos para o futuro).
 
NÃO POSTAR FOTOS EM EXCESSO: Evite expor suas fotos íntimas ou com pessoas (os bandidos saberão quem são os seus amigos e círculo de amizade), carros com placas expostas (os bandidos poderão saber o endereço daquela pessoa através de funcionários ou policiais corruptos (INFOSEG) que possam conseguir essas facilidades juntos aos DETRAN´s estaduais, casas (Os bandidos poderão saber a cor, número, formato e estrutura de segurança do imóvel), escolas (os bandidos poderão saber onde a pessoa estuda);
 
NUNCA INCLUA DESCONHECIDOS EM CONTATOS “Cabe aos pais alertar sobre a presença de perfis falsos, pedófilos e grupos com conteúdo inadequado nas redes sociais“ mantendo apenas na lista de contatos apenas as pessoas que conhece fora do ambiente virtual, como os parentes, colegas de escolas e do condomínio;
 
A PRIVACIDADE E INTIMIDADE É ALGO QUE DEVE SER A TODO O CUSTO PRESERVADO: Nunca se deve confiar cegamente em namorados, amigos, parentes, vizinhos, e colegas de trabalho repassando, compartilhando, filmando ou cedendo para eles registros íntimos de fotos ou vídeos feitos em aparelhos celulares ou qualquer outro mecanismo de gravação. Na maioria das vezes namoros são rompidos de forma litigiosa onde ambas as partes aproveitam tais registro para se vingar ou chantagear um ao outro. Nunca deixe que fotos ou vídeos fiquem armazenados em celulares ou câmeras fotográficas ou filmadoras, tais objetos podem ser roubados ou perdidos e a pessoa que ficou de posse desses equipamentos podem baixar os arquivos e publicá-los na internet causando sérios prejuízos para quem o perdeu ou foi vítima do roubo, são dicas da Polícia Federal.
 

Posts Relacionados Mais do autor

Comentário

Seu endereço de email não será publicado.